Nicoya / Costa Rica: Segundo relatório anual do projeto GCS

No seu segundo ano de operação, o projeto GCS Nicoya consolidou as redes com outras ONGs, a administração da Área de Conservação Tempisque (ACT) e a Universidade Nacional de Costa Rica. Entre outros logros, uma delegação gubernamental alemana visitou a área de restauração seguindo um convite a GIZ. A cooperação académica permitiu clasificar las especies locais de Jicaral e avaliar a eficiência do reflorestamento asistido em comparação com o ativo. Em 2016, os primeiros 8 canais foram abertos para regular a periodicidade hidrológica em Jicaral e permitir a água marina entrar às áreas previamente desmatadas de manguezal. “É impresionante já perceber a diferença. Até os animais começam a voltar”, explica o presidente de FUNDECODES, Jorge Vásquez. O que foi terreno de viveiro de camarão está sendo reclamado pouco a pouco pela vegetação natural.

Com ocasião do dia mundial do meio ambiente (6 de junho), mais de 200 arvores nativas foram plantadas em fincas previamente desmatadas. Adultos e crianzas das comunidades vizinhas participaram nas atividades.

Durante o ano 2016 as vendas de Créditos de Conservação (CCU) já dobraram. FUNDECODES teve a oportunidade de apresentar o GCS no 5to Congreso da Cámara de Industria y Comercio de Costa Rica, durante um encontro com o diretor executivo da Cámara de Turismo de Guanacaste e em um encontro com o asesor da Cámara de Industria e Comercio de Costa Rica, concordando em organizar cafés da manhã corporativos promocionais com grupos de interés e negocios do setor turístico no 2017.

Administrator

Add your Biographical Info and they will appear here.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *